Buscar
  • Dr. Raphael Kato

Reposição Hormonal



Homens após os 40 anos de idade passam a apresentar uma queda dos níveis hormonais masculinos no sangue. Esse déficit de testosterona pode gerar sintomas incômodos que pioram a qualidade de vida dos homens, caracterizando a ANDROPAUSA, ou a DAEM - Deficiência Androgênica do Envelhecimento Masculino - como é atualmente tratada.


Sintomas da DAEM:

- disfunção erétil e perda do desejo sexual

- redução das ereções matinais

- irritabilidade

- cansaço e fatiga

- obesidade

- perda de massa muscular

- ginecomastia

- osteoporose

- calor em excesso



Fisiologia da Testosterona:

  • 60% combinada com sHBG (globulina ligadora de hormônios sexuais)

  • 38% combinada com albumina

  • 2% livre - PARTE ATIVA


Obesidade e Testosterona:

A terapia de reposição com testosterona (TRT) ainda é um tabu para muitos médicos pela falta de informação e alguns mitos que fazem o seu uso ser ainda muito restrito.


Mitos:

X não aumenta o risco cardiovascular

X não aumenta o risco de câncer de próstata

X não aumenta o tamanho da próstata


Fatos:

  • melhora a massa óssea, força muscular e composição corporal

  • aumento da libido e qualidade das ereções

  • controle melhor da glicemia em pacientes com diabetes tipo 2

  • melhora dos marcadores em pacientes com síndrome metabólica

Contra-indicações absolutas:


- homens com câncer de próstata ou mama

- insuficiência cardíaca grau III ou IV

- hematócrito > 50%

- homens tentando ter filhos


Formas de aplicação:


A melhor forma de realizar a reposição hormonal deve ser avaliada individualmente para cada paciente e um acompanhamento atento com exames laboratoriais e avaliação física periódicos é fundamental para o sucesso do tratamento.


1. Injetáveis

- podem ser mensal ou trimestral

- modalidade mais barata















2. Transdérmicos

- gel, adesivos ou soluções cutâneas

- muitos ainda não estão disponíveis no Brasil

- facilidade para aplicação

- liberação do hormônio próxima da fisiológica











3. Orais

- comprimidos, spray

- pouco usados pois necessitam de metabolismo hepático para sua absorção





0 visualização
  • Instagram ícone social
  • Facebook Social Icon
  • Google ícone social Places